Sistema de Ímãs para dissolver microplástico em água

Cientistas da Universidade de Adelaide criaram um sistema de ímãs para dissolver microplástico em água. Trata-se de uma tecnologia feita de carbono em formato de mola para quebrar as moléculas do plástico. A ideia é que esses ímãs diminuam os efeitos de contaminação. Segundo Shaobin Wang um dos responsáveis pelo projeto, os microplásticos absorvem contaminantes orgânicos e metálicos enquanto são transportados pela água.

Apesar de pequenas, essas partículas plásticas podem gerar diversos problemas ambientais. Ao serem consumidas por outros organismos, elas liberam essas substâncias, que vão sendo acumuladas ao longo da cadeia alimentar.

Os pesquisadores desenvolveram nanotubos de carbono com nitrogênio que foram capazes de remover uma parte dos microplásticos encontrados nas amostras de água testadas em laboratório.

De acordo com os pesquisadores, os produtos obtidos a partir da degradação desses microplásticos são completamente inofensivos e podem, inclusive, ser usados como uma fonte de carbono para o crescimento de algas.

Para completar, as molas se tornaram magnéticas depois que os cientistas incluíram uma pequena quantidade de manganês em sua composição. Isso facilita a coleta do material após o seu uso.

Fonte: Consumidor Moderno
Imagem: Greepeace

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *